terça-feira, 19 de abril de 2011

Rejeitada o corte da aposentadoria do ex-governadores


Os deputados estaduais rejeitaram após votação nesta segunda-feira (17) a Proposta de Emenda Constitucional que acabaria com as aposentadorias dos ex-governadores. Dos 51 parlamentares presentes, 24 votaram a favor da proposta, 13 se abstiveram e 12 não votaram. Pelo fato de ser uma medida que muda a constituição, a PEC precisaria de pelo menos 33 votos para ser aprovada. Com o resultado obtido nesta tarde, ela deverá ser aquivada.
O projeto é de autoria do deputado Mauro Moraes (PSDB). Para ele, ao extinguir o benefício da Constituição estadual automaticamente estaria acabando com as aposentadorias de ex-governadores como Jaime Lerner, Mário Pereira, Alvaro Dias (PSDB), Roberto Requião (PMDB) e Orlando Pessuti (PMDB).
As divergências entre deputados que eram a favor e contra a PEC geraram algumas discussões durante a sessão plenária. Reinhold Stephanes Júnior e Luiz Eduardo Cheida do PMDB discursaram a favor das aposentadorias. Para Stephanes Júnior está é uma garantia protege os governantes de pressões depois que deixa o cargo. Já Cheida chamou a proposta de demagoga. Outros deputados do PMDB criticaram a proposta. Caito Quintana e Nereu Moura afirmaram que essa proposta só valeria para os futuros ex-governadores.
Texto: ParanaOnLine – foto: Divulgação 
Programa Cidade Noticias  (12:00 as 13:00 hrs) – Radio Cidade – www.cidade104fm.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário