sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

Irmã procura pelo irmão em Fernandes Pinheiro



By: INTERVALO DA NOTICIAS
Texto: Rodrigo Zub (Rádio Najuá) Imagem: João Geraldo Mitz (Rádio Najuá)

Odete das Graças Batista busca realizar um sonho. A moradora da Colônia São Lourenço, no interior de Fernandes Pinheiro, tenta reencontrar o irmão Izoir Monzar Moreira, que está sendo procurado desde a década de 1980.
Segundo Odete, seu irmão não possuía registro de nascimento. O único documento do menino que a família possui é o batistério, que a irmã guardou na esperança de um dia encontrar Izoir. “É a única prova da existência dele, com nome de pai e mãe. O registro, na época, ele não tinha”, afirma. Por isso, Odete acredita que o irmão deve ter outro nome atualmente.
Odete conta seus pais, João Batista e Maria Aparecida Batista (ambos falecidos), passaram a vida toda procurando o filho, que desapareceu quando tinha um ano e meio. Recentemente, Odete conseguiu descobrir que o irmão teria sido adotado pela família Machinski, que reside em Mallet e possui uma pequena serraria na cidade.
A moradora já havia procurado a reportagem da Najuá em setembro de 2014. Na época, Odete disse que Izoir estava internado no hospital Osvaldo Cruz, em Teixeira Soares, quando foi tomada dos braços da mãe e levado embora num carro, no início dos anos 1980. “E desceu uma mulher, que foi correndo, abrindo espaço no corredor, chegou e, simplesmente sem dar uma palavra à minha mãe, tirou a criança do colo dela e correu para aquele carro e, a partir daquele momento, nunca mais o vimos”, disse Odete, que na época tinha apenas três anos.
Odete espera realizar a última vontade da mãe, que faleceu há cinco anos, e reencontrar o irmão desaparecido. “Esse era o maior sonho dela. Prometi que continuaria as buscas enquanto eu pudesse”, enfatiza.
Persistente, Odete espera que o caso de seu irmão tenha um desfecho positivo para a família, assim como outras pessoas que procuraram recentemente a Rádio Najuá e conseguiram reencontrar seus parentes. “Infelizmente, ainda não aconteceu comigo, mas vou continuar tentando, pois esse era o sonho da minha mãe e do meu pai que faleceu há três meses”.
Quem tiver qualquer informação sobre a localização do irmão desaparecido de Odete pode ligar para o telefone (42) 9974-6016 ou (42) 9801-9783.




OS COMENTÁRIOS NÃO SÃO DE RESPONSABILIDADES DO INTERVALO DA NOTICIAS. OS COMENTÁRIOS IRÃO PARA ANALISE E SÓ SERÃO PUBLICADOS SE TIVEREM OS NOMES COMPLETOS.
FOTOS PODERÃO SER USADAS MEDIANTE AUTORIZAÇÃO OU CITAR A FONTE

Nenhum comentário:

Postar um comentário