quinta-feira, 25 de outubro de 2012

SERIE A - SUL-AMERICANA - Resultados



By: INTERVALO DA NOTICIAS
Texto: Terra Esporte Imagem: Terra Esporte

Com 2 de Forlán, Inter vence Vasco e renasce na luta pelo G-4

Em jogo válido ainda pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Internacional renasceu na briga pelo G-4. Em confronto direto, o time gaúcho venceu o Vasco mesmo fora de casa, por 2 a 1, e assim aproveitou a derrota do São Paulo na rodada - o time do Morumbi perdeu por 1 a 0 para o Flamengo no domingo e parou nos 55 pontos. O principal destaque do Inter foi Forlán, que marcou dois gols ainda no primeiro tempo e decretou a virada. Em sexto lugar no Brasileiro, o Internacional agora está com 48 pontos e, portanto, precisa tirar sete pontos de diferença para alcançar o São Paulo no G-4. Entre eles está exatamente o Vasco, que tem 50, mas está em crise no campeonato, já que soma quatro derrotas seguidas no Brasileiro. O time carioca buscará recuperação contra o Corinthians, neste sábado, fora de casa. Já o Inter receberá o Palmeiras no mesmo dia.
VASCO 1 x 2 INTERNACIONAL
Gols
VASCO: Jonas, aos 21min do 1º tempo
INTERNACIONAL: Forlán, aos 33min e aos 45min do 1º tempo
VASCO: Fernando Prass, Jonas, Dedé (Renato Silva), Douglas e Wendel; Fellipe Bastos (Marlone), Nilton, Juninho Pernambucano e Felipe (Maicon); Eder Luis e Carlos Alberto
Treinador: Marcelo de Oliveira
INTERNACIONAL: Muriel, Nei, Rodrigo Moledo, Juan e Kleber; Ygor, Guiñazú, Fred (Josimar) e D'Alessandro; Forlán (Rafael Moura) e Dagoberto (Cassiano)
Treinador: Fernandão
Cartões amarelos
INTERNACIONAL: Guiñazu e Ygor

Com gol de Seedorf, Botafogo vence no Sul e complica Figueirense
Após vencer o rival Vasco na última rodada do Campeonato Brasileiro, o Botafogo bateu, nesta quarta-feira, o Figueirense por 2 a 0. O holandês Seedorf marcou o segundo gol do time carioca ainda no primeiro tempo. O duelo foi realizado em Florianópolis (SC). Com o triunfo, a equipe comandada pelo técnico Oswaldo de Oliveira somou 47 pontos e ficou a oito do São Paulo, primeiro integrante do G-4. Já os catarinenses continuaram com 28 e na penúltima posição da tabela, próximos do rebaixamento. No sábado, o Botafogo receberá o lanterna Atlético-GO no Estádio Engenhão. No mesmo dia, o Figueirense, novamente mandante, medirá forças com a Portuguesa.
FIGUEIRENSE 0 x 2 BOTAFOGO
Gols
BOTAFOGO:
Bruno Mendes, aos 14min do primeiro tempo; e Seedorf, aos 32min do primeiro tempo
FIGUEIRENSE: Wilson; Elsinho, Canuto, João Paulo (Gutti) e Helder; Túlio, Jackson, Ronny e Botti (Thiaguinho); Aloísio e Júlio César (William)
Treinador: Márcio Goiano
BOTAFOGO: Jefferson; Lucas, Antônio Carlos, Dória e Lima; Gabriel, Jadson, Andrezinho (Renato) e Lodeiro (Fellype Gabriel); Seedorf e Bruno Mendes
Treinador: Oswaldo Oliveira
Cartões amarelos
BOTAFOGO: Lucas e Andrezinho

 Grêmio leva susto em casa, mas vira sobre Barcelona e avança
O Grêmio chegou a levar um susto, mas confirmou seu favoritismo e garantiu vaga nas quartas de final da Copa Sul-Americana 2012. Nesta quarta-feira, em jogo no Estádio Olímpico pelas oitavas de final da competição, o time buscou a virada por 2 a 1 com Barcelona de Guayaquil e eliminou os equatorianos. No jogo de ida das oitavas, fora de casa, os gaúchos venceram mais uma vez, por 1 a 0. Apesar de dominar o primeiro tempo da partida desta quarta, em Porto Alegre, o Grêmio não conseguiu abrir o placar para conseguir tranquilidade. Pior: levou o gol do Barcelona logo após o intervalo, e só não sofreu mais porque um gol contra do zagueiro Perlaza empatou a partida aos 22min da etapa final. Assim, também no placar agregado (3 a 1), os gremistas se garantiram entre os oito melhores do torneio.
GRÊMIO 2 X 1 BARCELONA-EQU
Gols
GRÊMIO: Perlaza (contra), aos 22min do segundo tempo; Zé Roberto, aos 47min do segundo tempo
BARCELONA-EQU: Mina, aos 9min do segundo tempo
GRÊMIO: Marcelo Grohe; Pará, Naldo, Werley e Anderson Pico; Souza, Fernando, Zé Roberto e Marco Antônio (Elano); Marcelo Moreno e Kleber (Leandro)
Treinador: Vanderlei Luxemburgo
BARCELONA-EQU: Banguera; Saucedo, Perlaza, De la Torre (Matamoros) e Valarezo (Ferreyra); Amaya, Matías Oyola, Arroyo, Ibarra e Diaz (Quiñonez); Mina
Treinador: Gustavo Costas
Cartões amarelos
GRÊMIO: Elano
BARCELONA-EQU: Valarezo, Quiñonez e Saucedo

Atlético-GO faz 3 e sufoca, mas é eliminado pela Universidad Católica
Lanterna da Série A do Campeonato Brasileiro, o Atlético-GO sufocou e bateu nesta quarta-feira a Universidad Católica, do Chile, por 3 a 1. A vitória, no entanto, não foi suficiente. Como foi derrotado no embate de ida por 2 a 0, os goianos foram eliminados nas oitavas de final da Copa Sul-Americana por terem sofrido um gol dentro de casa. Nas quartas, os chilenos enfrentarão o vencedor do duelo entre Independiente, da Argentina, e Liverpool, do Uruguai. No primeiro encontro, os argentinos levaram a melhor por 2 a 1. O confronto decisivo será na quinta, em Montevidéu. Por ter perdido a partida de ida por 2 a 0, o Atlético-GO começou o jogo com um objetivo em mente: marcar um gol cedo. E foi o que ocorreu. Após encurralar o time rival, a equipe goiana abriu o placar aos 13min. Eron cruzou pela esquerda para Ricardo Bueno, que ajeitou para Joilson arrematar e balançar a rede.
ATLÉTICO-GO 3 x 1 UNIVERSIDAD CATÓLICA-CHI
Gols
ATLÉTICO-GO:
Joilson, aos 14min do primeiro tempo; Reniê, aos 36min do primeiro tempo; e Márcio, aos 5min do segundo tempo
UNIVERSIDAD CATÓLICA
Ríos, aos 43min do primeiro tempo
ATLÉTICO-GO: Márcio; Adriano Pimenta (Diogo Campos), Reniê, Diego Giaretta e Eron; Ernandes, Dodó, Joilson e Pituca; Felipe e Ricardo Bueno
Treinador: Artur Neto
UNIVERSIDAD CATÓLICA: Toselli; Sepúlveda, Andía, Martínez e Parot; Cordero (Meneses), Silva, Ríos (Peralta) e Costa; Pizarro e Castillo (Ramos)
Treinador: Martín Lasarte
Cartões amarelos
UNIVERSIDAD CATÓLICA: Martínez

Pouco inspirado, São Paulo empata com LDU de Loja e vai às quartas
Mesmo sem vencer a LDU de Loja em nenhum dos dois jogos, o São Paulo avançou para as quartas de final da Copa Sul-Americana. O time do Morumbi mostrou pouca inspiração e empatou por 0 a 0 nesta quarta-feira, em casa, mas tinha arrancado o resultado de 1 a 1 no Equador. Por ter feito um gol fora de casa a equipe paulista se classificou e agora vai esperar o vencedor do duelo entre Universidad do Chile e Emelec - o primeiro jogo entre eles, no Chile, terminou 2 a 2. O São Paulo mostrou sua superioridade contra a LDU de Loja no primeiro tempo, já que dominou o jogo desde o começo. Mas faltou criatividade para transformar esse domínio em chances de gol. O chute desviado de Cortez aos 11min e um giro bonito de Ademilson aos 21min foram raras jogadas em que o time do Morumbi esteve perto de abrir o placar.
SÃO PAULO x LDU DE LOJA
SÃO PAULO: Rogério Ceni; Paulo Miranda, Rafael Toloi, Rhodolfo e Cortez; Wellington, Denilson e Jadson (Douglas); Lucas, Osvaldo e Ademilson (Willian José)
Treinador: Ney Franco
LDU DE LOJA: Palacios; Gómez, Vera, Cumbicus, Hurtado; Larrea, Mosquera, Uchuari (Wila), Feraud; Alcívar e Fábio Renato
Treinador: Paúl Vélez
Cartões amarelos
SÃO PAULO: Osvaldo, Wellington
LDU DE LOJA: Larrea, Vera, Cumbicus
Árbitro
Julio Quintana
Público e renda:
15.208 torcedores e R$ 326.533,00

Nenhum comentário:

Postar um comentário