quarta-feira, 24 de junho de 2015

Lutador decapita a avó com facão e diz que cometeu crime por achar que ela era Adolf Hitler



By: INTERVALO DA NOTICIAS
Texto: R7 Imagem: Divulgação

Nicholas Salvador é um lutador de artes marciais, protagonista de um dos crimes mais espantosos dos últimos tempos. O homem, que segundo a polícia sofre de problemas mentais, decapitou a própria avó e ainda disse que a confundiu com Adolf Hitler, o brutal ditador alemão. A história é pavorosa e ocorreu em Londres.
A avó dele, Palmira Silva, de 82 anos, foi encontrada sem cabeça na propriedade onde ela morava com o neto.
O crime ocorreu no jardim da casa dele, e Nicholas teria usado um facão para cometer o crime.
Salvatore é um lutador de artes marciais, que no momento estava desempregado e a coisa ficou feia para ele.
O procurador de Justiça local afirmou que o assassinato foi brutal, e que Palmira "levou diversos golpes na parte de trás da cabeça".
"Ela tomou uma facada no dorso e diversas outras no pescoço, e é bem possível que o corpo dela se deslocou sem a cabeça", completou o procurador.
Às 13h07, a polícia local recebeu uma ligação avisando de sinais de violência na casa de Palmira.
Menos de 40 minutos depois Nicholas foi preso, mas deu bastante trabalho.
Ele resistiu à prisão e chegou a agredir uma policial que tentou prendê-lo.
Ele só caiu quando recebeu diversas descargas elétricas e ficou de joelhos sem reação.
Ele tem 25 anos e um leve histórico de problemas mentais.

OS COMENTÁRIOS NÃO SÃO DE RESPONSABILIDADES DO INTERVALO DA NOTICIAS. OS COMENTÁRIOS IRÃO PARA ANALISE E SÓ SERÃO PUBLICADOS SE TIVEREM OS NOMES COMPLETOS.
FOTOS PODERÃO SER USADAS MEDIANTE AUTORIZAÇÃO OU CITAR A FONTE

Nenhum comentário:

Postar um comentário