segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

Caminhoneiro é condenado por engravidar a própria filha de 13 anos



By: INTERVALO DA NOTICIAS
Texto: PORTAL DA CIDADE Imagem: Correio do Lago


A justiça da comarca de Marechal Cândido Rondon publicou a sentença contra o caminhoneiro Gilberto Pereira de Morais, 41 anos, acusado de violentar sexualmente e engravidar a própria filha de 13 anos, em Pato Bragado. O homem já estava preso desde agosto, em Cascavel.
Segundo a menina, as relações sexuais com o pai ocorreram entre 2005 e 2014. Ela ficou grávida e a criança nasceu em maio do ano passado. Exames de DNA confirmaram a paternidade do bebê.Quando o caso foi descoberto, o homem fugiu para o Paraguai, onde conseguiu emprego como motorista de caminhão. Mas ele seguia tentando contato com a filha, mandando mensagens pelo celular.
Numa ocasião Gilberto convidou a filha para uma viagem a Minas Gerais, porém como o caso já estava sob investigação policial, foi montada a operação que resultou na prisão do caminhoneiro.Na sentença proferida pelo juiz Clairton Mario Spinassi, publicada na última quinta-feira (21), Gilberto Pereira de Morais foi condenado por estupro e teve a pena agravada pelo fato de a vítima ser sua própria filha.


OS COMENTÁRIOS NÃO SÃO DE RESPONSABILIDADES DO INTERVALO DA NOTICIAS. OS COMENTÁRIOS IRÃO PARA ANALISE E SÓ SERÃO PUBLICADOS SE TIVEREM OS NOMES COMPLETOS.
FOTOS PODERÃO SER USADAS MEDIANTE AUTORIZAÇÃO OU CITAR A FONTE

Nenhum comentário:

Postar um comentário