segunda-feira, 15 de agosto de 2011

Prudentópolis ganha o Monumento ao Salto São João na visita de Beto Richa






O governador Beto Richa assinou nesta sexta-feira (12) um protocolo de intenções com o prefeito de Prudentópolis, Gilvan Pizzano Agibert, para a criação no município de uma Unidade de Conservação de Proteção Integral Monumento Natural Salto São João. O documento foi assinado durante as comemorações dos 105 anos de criação de Prudentópolis, localizada na região central do Estado. Richa está na região para realizar a terceira audiência pública do governo estadual, que acontece esta tarde em Guarapuava.
“Esse novo parque demonstra a preocupação do governo com a preservação das nossas florestas e rios. Vamos investir para que nossas belezas naturais sejam protegidas”, disse o governador. Ele destacou que o governo estadual está investindo no município mais de R$ 3 milhões para reestruturar as áreas de infraestrutura, habitação educação e saúde. Entre as ações estão a compra de um equipamento de diagnóstico por imagem e a construção de 60 casas populares.
O prefeito Gilvan Agibert destacou a importância da parceria com o governo estadual e o potencial turístico do município, que tem cerca de 50 cachoeiras. “O apoio do governo é fundamental para que Prudentópolis dê início a um grande plano de ação para o avanço do turismo na região. Essa unidade de conservação vai atrair turistas para a cidade e ajudar a preservar nossas florestas e bens naturais”, disse.
O secretário do Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Jonel Iurk, afirmou que a criação da nova unidade é importante para proteger a nascente do Rio Ivaí, que é um importante manancial de abastecimento localizado na bacia do Rio São João. “A unidade assegura também a proteção dos biomas da Mata Atlântica e das matas de araucária, características da região”, disse o secretário.
UNIDADE – A Unidade de Conservação Monumento Natural Salto São João abrange 33,88 hectares. Sua criação tem o objetivo de garantir proteção integral ao remanescente de Floresta Ombrófila Mista ou Floresta de Araucárias, flora, fauna e recursos hídricos, em especial a cachoeira e os paredões.
A administração da unidade ficará a cargo do Instituto Ambiental do Paraná (IAP), que capacitará gestores ambientais envolvidos nas atividades relacionadas à preservação da unidade. O IAP e prefeitura estabelecerão parcerias entre com o setor produtivo e entidades da sociedade civil para promover o desenvolvimento sustentável da unidade.
“O instituto também será responsável pela regularização fundiária da área e pela criação da estrutura do centro de visitação, mirantes e trilhas necessárias à observação adequada da natureza, com recursos no valor de R$ 1,5 milhão”, afirma o diretor presidente em exercício do IAP, Antenor de Matos Pinheiro.
O salto possui 84 metros de altura e está situado no Rio São João. O local é um dos mais procurados para visitação devido à facilidade de acesso e à beleza do seu conjunto paisagístico. A cachoeira possui grande volume de águas e no curso do rio, em trechos relativamente próximos, é possível tomar banho onde há pouca profundidade.

Texto: Agencia Estadual de Noticias – Foto: Élio Kohut
Programa Cidade Noticias (12:00 as 13:00 hrs)  - Radio Cidade Fm – www.cidade104fm.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário