segunda-feira, 31 de agosto de 2015

Aprenda a calibrar o monitor do PC para ter cores mais precisas



By: INTERVALO DA NOTICIAS
Texto: OLHAR DIGITAL Imagem: Divulgação


Ajustar o monitor é importante sempre que você trabalha com qualquer demanda gráfica: afinal, design, fotografia e vídeo dependem de cores nítidas. Por isso, preparamos um guia completo que ensina a realizar o procedimento por meio de um software que já vem no Windows.
Vamos por partes:
1) Começando
Abra o Painel de Controle, no menu iniciar, e procure “Vídeo”. Dentro deste menu, escolha a opção “Calibrar Cor”
2) Ajuste de gama
Em seguida clique em avançar, duas vezes, até chegar a esta tela:
A tela exemplifica como deve ficar a “gama” do seu monitor, que será ajustada na próxima tela.
Ajuste a gama de forma que os círculos internos fiquem pouco visíveis, como demonstrado no meio da imagem anterior.
3) Ajuste de Brilho
Escolha avançar duas vezes até chegar a esta tela:
Dê avançar de novo e utilize os controles do seu monitor (os botões ao lado ou embaixo) para modificar o brilho. É importante que seja quase impossível visualizar o X à esquerda do homem abaixo, mas que ainda se possa diferenciar o paletó preto do fundo escuro.
4) Ajuste de Contraste
Com mais um avançar, você vai chegar a esta tela:
Ao clicar mais uma vez em avançar, você se depara com uma foto grande. Ajuste o contraste (também no seu monitor) para o máximo que puder, sem que a camisa da foto fique completamente branca. Bastante contraste é bom, desde que não comprometa os detalhes.
5) Ajuste de Cores
Finalmente, resta apenas ajustar as cores. Use os exemplos para se certificar de que, na próxima tela, o desenho fique em vários tons de cinza (que não têm nada a ver com o livro famoso), sem nenhuma outra cor.
Com as barras na parte inferior da tela, ajuste tudo para que o desenho seja apenas cinza.
Na próxima tela, dois botões mostrarão a diferença entre sua calibração anterior e a nova, para que possa escolher livremente entre elas. Opte pela sua preferida e conclua o processo.
Para um ajuste ainda mais preciso (que não depende do seu “olhômetro”), existem aparelhos específicos, alguns custando centenas de dólares. Para a utilização no dia a dia e uma calibração próxima do ideal, entretanto, este método funciona bem.

OS COMENTÁRIOS NÃO SÃO DE RESPONSABILIDADES DO INTERVALO DA NOTICIAS. OS COMENTÁRIOS IRÃO PARA ANALISE E SÓ SERÃO PUBLICADOS SE TIVEREM OS NOMES COMPLETOS.
FOTOS PODERÃO SER USADAS MEDIANTE AUTORIZAÇÃO OU CITAR A FONTE

Nenhum comentário:

Postar um comentário