terça-feira, 30 de setembro de 2014

Satélite da NASA capta chuva de até 200 mm entre o noroeste gaúcho e oeste catarinense



By: INTERVALO DA NOTICIAS
Texto: De Olho no Tempo Imagem: Nasa

As áreas de instabilidade, que desde a noite de domingo (28) seguem ativas em boa parte da Região Sul do Brasil, já provocaram mais de 200 milímetros de chuva em municípios do noroeste do Rio Grande do Sul e do oeste de Santa Catarina.
Como reflexo, em vários pontos, rios transbordaram e deslizamentos de terra foram contabilizados devido ao solo muito saturado de umidade.
Estações meteorológicas automática mantidas pelo Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) acumularam entre as 9 horas (Brasília) de sábado (27) e às 9 horas desta terça-feira (30), precipitação de 162,4 milímetros em Santo Augusto, no noroeste gaúcho, 163,2 mm em Xanxerê, 149,8 mm em Novo Horizonte e 207,8 mm em Dionísio Cerqueira, ambos em Santa Catarina.
O satélite Tropical Rainfall Measuring Mission (TRMM) da Agência Espacial Americana (NASA), que estima a precipitação registrada ao redor do planeta Terra, mostrou dados muito próximos com os observados em superfície nas últimas 72 horas.



OS COMENTÁRIOS NÃO SÃO DE RESPONSABILIDADES DO INTERVALO DA NOTICIAS. OS COMENTÁRIOS IRÃO PARA ANALISE E SÓ SERÃO PUBLICADOS SE TIVEREM OS NOMES COMPLETOS.
FOTOS PODERÃO SER USADAS MEDIANTE AUTORIZAÇÃO OU CITAR A FONTE

Nenhum comentário:

Postar um comentário