domingo, 18 de dezembro de 2016

Real Madrid vence o Kashima Antlers e se torna o recordista de títulos mundiais



By: INTERVALO DA NOTICIAS
Texto: ESPORTE INTERATIVO Imagem: Divulgação

Foi no sufoco, mas acabou com final feliz. Somente na prorrogação, com um gol de Karim Benzema e três de Cristiano Ronaldo, o Real Madrid fez 4 a 2, venceu a final do Mundial de Clubes e conquistou seu quinto título mundial. O troféu de 2016 se junta aos de 1960, 1998, 2002 e 2014. Assim, o time merengue se torna o maior vencedor de títulos mundiais da história, ultrapassando os quatro do Milan.
Ainda no formato antigo, o Real Madrid venceu seus três primeiros títulos. Em 1960, a taça veio com um 5 a 1 sobre o Peñarol no placar agregado, quando a decisão era disputada em dois jogos. Em 1998, já no formato de jogo único no Japão, os merengues fizeram 2 a 1 e venceram o Vasco da Gama. Quatro anos depois, também na Terra dos Sol Nascente, a vítima foi o Olímpia, do Paraguai, derrotado por 2 a 0 pelos Galáticos.
Há dois anos, após conquistar La Décima, o Real Madrid chegou ao Marrocos e venceu o Cruz Azul por 4 a 0 na semifinal. Na decisão, fez 2 a 0 no San Lorenzo e levantou o troféu, o primeiro dos merengues com a chancela da Fifa.
Para chegar à final de 2016 contra o Kashima Antlers, os madridistas aplicaram 2 a 0 no América do México na estreia.
Confira os maiores vencedores de títulos mundiais:
5 títulos – Real Madrid
4 títulos – Milan
3 títulos – Barcelona, Inter de Milão, São Paulo, Boca Juniors, Nacional do Uruguai, Peñarol e Bayern de Munique
2 títulos – Corinthians, Manchester United, Juventus, Ajax, Independiente, Santos e Porto
1 título – Internacional, Borussia Dortmund, Vélez Sársfield, Estrela Vermelha, River Plate, Grêmio, Flamengo, Olimpia, Altético de Madrid, Feyenoord, Estudiantes e Racing

OS COMENTÁRIOS NÃO SÃO DE RESPONSABILIDADES DO INTERVALO DA NOTICIAS. OS COMENTÁRIOS IRÃO PARA ANALISE E SÓ SERÃO PUBLICADOS SE TIVEREM OS NOMES COMPLETOS.
FOTOS PODERÃO SER USADAS MEDIANTE AUTORIZAÇÃO OU CITAR A FONTE

Nenhum comentário:

Postar um comentário