quinta-feira, 27 de novembro de 2014

Prefeito de Terra Rica é condenado por improbidade e desvio de recursos



By: INTERVALO DA NOTICIAS
Texto: RPC TV Imagem: Divulgação


O prefeito de Terra Rica, no noroeste do Paraná, Devalmir Molina Gonçalves (PSL) foi condenado por improbidade administrativa e desvio de recursos públicos pela Justiça. Além do prefeito, um médico e dois servidores também foram condenados na mesma ação. De acordo com o Tribunal de Justiça (TJ-PR), Gonçalves repassou R$ 72 mil irregularmente para um médico, que também era vereador do município na época, para pagar plantões que nunca foram feitos pelo profissional. A decisão é de terça-feira (25), mas foi divulgada na quarta-feira (26).
A ação civil pública é de 2012 e, segundo o Ministério Público do Paraná (MP-PR), o médico recebeu, durante 22 meses, por plantões não realizados no Hospital Municipal Cristo Redentor. Segundo a promotoria, durante os depoimentos os chefes dos recursos humanos confessaram que o prefeito ordenava o pagamento dos plantões para beneficiar o médico que era da base política aliada. A investigação durou dois anos e foram analisados seis mil documentos públicos, ainda conforme o MP-PR.
O prefeito Devalmir Gonçalves (PSL) não foi encontrado pela reportagem até as 10h desta quinta-feira (27). O assessor do prefeito, Marcos Paulo, informou que o político e o advogado dele estavam em Curitiba recorrendo da decisão do Tribunal.
O TJ-PR condenou o prefeito, o médico e dois servidores ao pagamento de uma multa de R$ 100 mil. Devalmir Gonçalves (PSL) e o profissional ainda devem pagar mais uma multa de R$ 100 mil. Os dois também perderam os direitos políticos por oito anos. Os quatro condenados ainda podem recorrer ao Superior Tribunal de Justiça (STJ).
Devalmir Gonçalves (PSL) ainda responde a oito ações no TJ-PR por improbidade administrativa e desvio de recursos públicos.

OS COMENTÁRIOS NÃO SÃO DE RESPONSABILIDADES DO INTERVALO DA NOTICIAS. OS COMENTÁRIOS IRÃO PARA ANALISE E SÓ SERÃO PUBLICADOS SE TIVEREM OS NOMES COMPLETOS.
FOTOS PODERÃO SER USADAS MEDIANTE AUTORIZAÇÃO OU CITAR A FONTE

Nenhum comentário:

Postar um comentário