quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

Delator mencionou Aécio, Renan e Randolfe por suposta propina



By: INTERVALO DA NOTICIAS
Texto: G1 Imagem: Divulgação


No mesmo depoimento em que o senador Aécio Neves (PSDB-MG) foi mencionado por suposto recebimento de R$ 300 mil a mando do doleiro Alberto Youssef – o parlamentar nega –, o delator Carlos Alexandre de Souza Rocha, o "Ceará", citou supostos valores repassados ao senadores Renan Calheiros (PMDB-AL), presidente do Senado, e Randolfe Rodrigues (Rede-AP).
Veja ao final desta reportagem a explicação dada por cada um dos citados no depoimento.
O depoimento, homologado pelo Supremo Tribunal Federal (STF), foi dado em julho. Nele, Rocha disse que fazia para Youssef serviço de entrega de dinheiro para políticos. Mais cedo, o G1  confirmou o teor do depoimento do delator, revelado em reportagem do jornal "Folha de S.Paulo". MATÉRIA COMPLETA.

OS COMENTÁRIOS NÃO SÃO DE RESPONSABILIDADES DO INTERVALO DA NOTICIAS. OS COMENTÁRIOS IRÃO PARA ANALISE E SÓ SERÃO PUBLICADOS SE TIVEREM OS NOMES COMPLETOS.
FOTOS PODERÃO SER USADAS MEDIANTE AUTORIZAÇÃO OU CITAR A FONTE

Nenhum comentário:

Postar um comentário