domingo, 21 de maio de 2017

Família de andarilho segue para Montes Claros para liberar corpo



By: INTERVALO DA NOTICIAS
Texto: EM Imagem: Divulgação

Os parentes de Paulo César da Silva Santos Costa, de 65 anos, andarilho que morreu domingo passado em Montes Claros, fizeram contato nesta quarta-feira com a funerária que foi encarregada de enterrá-lo como indigente.
A identidade de Paulo foi descoberta durante a preparação do corpo, quando também foi possível perceber que o homem estava viajando de bicicleta pelo país por aventura.
Além dos documentos dele, os funcionários encontraram pen drives com fotos que revelaram o passado de Paulo César, que na década de 1970 teve participação no filme “O Guru das sete cidades”, do diretor Carlos Bini, que é apontado como longa-metragem rodado no Piauí.

Nascido no Rio de Janeiro, o andarilho morou por um tempo nos Estados Unidos e rodou boa parte das estradas do Brasil com grupos de motociclistas.
O corpo de Paulo César foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Montes Claros. Depois da divulgação sobre sua morte, parentes dele ligaram para a funerária e disseram que chegam a Montes Claros nesta quinta-feira. Moradores de Copacabana, Zona Sul do Rio de Janeiro, eles vão providenciar a liberação do corpo e o traslado para aquele estado, para o sepultamento.
MATÉRIA RELACIONADA:
Funerária procura familiares de andarilho que morreu em hospital de Montes Claros.

OS COMENTÁRIOS NÃO SÃO DE RESPONSABILIDADES DO INTERVALO DA NOTICIAS. OS COMENTÁRIOS IRÃO PARA ANALISE E SÓ SERÃO PUBLICADOS SE TIVEREM OS NOMES COMPLETOS.
FOTOS PODERÃO SER USADAS MEDIANTE AUTORIZAÇÃO OU CITAR A FONTE

Nenhum comentário:

Postar um comentário