quinta-feira, 26 de dezembro de 2013

Parceria garante casa sustentável para moradora de Guamiranga



By: INTERVALO DA NOTICIAS
Texto: AEN Imagem: AEN

A parceria a Cohapar, Secretaria de Estado da Família e Desenvolvimento Social, Tecverde, Prefeitura de Guamiranga, nos Campos Gerais, e Baú Construtora possibilitou à Maria de Lurdes Vernek, moradora de Guamiranga, iniciar o ano dentro de uma nova casa. Construída com o sistema Tecverde, a obra teve redução de 85% dos resíduos e 80% da emissão de CO². Além disso, conta com total conforto térmico, o que gerará redução na conta de energia.
Maria de Lurdes vive há 40 anos na mesma casa, que se encontra em situação de risco. Aos 60 anos, Maria de Lurdes mora sozinha e ainda trabalha e agora conhecerá uma nova realidade em 2014, graças a essa parceria do governo do Paraná com a iniciativa privada.
Sem condições de realizar a manutenção necessária, a pequena casa de madeira foi se deteriorando ao e apodreceu. A situação era de extremo risco quando, por motivos de obras de urbanismo na cidade, técnicos Cohapar e da prefeitura fizeram contato com ela.
“A minha casa está feia, apodreceu tudo! Chove dentro, a enxurrada entra na casa. Tentei arrumar o telhado e não deu certo. Eu não tenho condição de arrumar”, conta Maria.
Com a necessidade de realocação, a Cohapar e a empresa Tecverde, que já desenvolve outros projetos em parceria com o Governo do Estado, organizaram a doação de uma casa para a senhora. “Nosso sistema construtivo permite fabricar uma casa em duas horas, com baixo custo. Era isso que a Dona Maria precisava”, conta José Márcio, sócio diretor da empresa.
“Ao recebermos a solicitação da Secretaria de Estado da Família e Desenvolvimento Social, de imediato veio a ideia de utilizar a tecnologia Tecverde”, explica Orlando Agulham, diretor de Programas e Obras da Cohapar. “Primeiro porque acreditamos na tecnologia que a empresa utiliza como solução sustentável, com baixo impacto ambiental e excelente qualidade; segundo porque a região tem potencial madeireiro, pois a madeira de reflorestamento é a principal matéria-prima desse sistema construtivo”, explica Agulham.
“Tenho certeza que a equipe da Tecverde fez um excelente trabalho e a partir de agora, Maria Lurdes poderá viver em segurança e com muito mais qualidade de vida”, disse a secretária da Família e Desenvolvimento Social, Fernanda Richa.
Para Dona Maria, a iniciativa representa o fim do sofrimento e o medo de morar em situação de risco. “Muita gente passa na frente da construção e fica admirado com a nova casa. Vai mudar bastante minha vida”, comemora Maria. A nova casa fica a apenas dez metros de distância de onde ela sempre morou e a previsão de entrega com acabamento finalizado é para janeiro de 2014.



OS COMENTÁRIOS NÃO SÃO DE RESPONSABILIDADES DO INTERVALO DA NOTICIAS. OS COMENTÁRIOS IRÃO PARA ANALISE E SÓ SERÃO PUBLICADOS SE TIVEREM OS NOMES COMPLETOS.
FOTOS PODERÃO SER USADAS MEDIANTE AUTORIZAÇÃO OU CITAR A FONTE

Nenhum comentário:

Postar um comentário