terça-feira, 3 de janeiro de 2017

Governador do Amazonas manda indenizar famílias de presos mortos



By: INTERVALO DA NOTICIAS
Texto: RÁDIO GAÚCHA Imagem: Divulgação

O governador do Amazonas, José Melo, determinou que a Procuradoria-Geral do Estado (PGE) inicie os trâmites para indenizar as famílias dos presos mortos durante uma série de rebeliões no sistema prisional amazonense. As informações são do jornal O Globo.
Em março de 2016, o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu que o poder público tem o dever de indenizar famílias de detentos que morrem em presídios - mesmo em casos de suicídio. O valor da indenização é definido por cada juiz, caso a caso.
Melo também determinou que o governo estadual preste apoio para o funeral dos mortos nas rebeliões. Um grupo de trabalho envolvendo diversas secretarias já está sendo montado para iniciar os procedimentos.
Entre domingo e segunda-feira, 60 presos foram mortos no Amazonas - 56 deles no Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj), em Manuas. Também foram registradas 187 fugas. 
MATÉRIAS RELACIONADAS:
Rebelião em presídio chega ao fim com 56 mortes, diz governo do AM.

Grampos mostram que facção planejava matar integrantes do PCC no AM.


Fugitivo de presídio no AM posta foto no Facebook comendo jaca na mata.

OS COMENTÁRIOS NÃO SÃO DE RESPONSABILIDADES DO INTERVALO DA NOTICIAS. OS COMENTÁRIOS IRÃO PARA ANALISE E SÓ SERÃO PUBLICADOS SE TIVEREM OS NOMES COMPLETOS.
FOTOS PODERÃO SER USADAS MEDIANTE AUTORIZAÇÃO OU CITAR A FONTE

Nenhum comentário:

Postar um comentário