quarta-feira, 8 de fevereiro de 2017

Ao final de audiência com Moro, Cunha diz que tem aneurisma



By: INTERVALO DA NOTICIAS
Texto: BANDA B Imagem: Divulgação

Após depor por três horas perante o juiz Sérgio Moro, na Justiça Federal em Curitiba, o ex-presidente da Câmara e ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB) leu uma carta de próprio punho na qual afirma que tem um aneurisma e que não tem condições de se tratar na prisão onde está detido atualmente.
A audiência desta tarde foi o primeiro interrogatório do peemedebista diante de Moro e começou por volta das 15h. Responsável por aceitar o processo de impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (PT) ele levou um calhamaço de folhas para a audiência em Curitiba.
Até então, Cunha havia adotado o silêncio como estratégia. Oficialmente, ele não deu qualquer sinal à Polícia Federal e Ministério Público Federal de que quer colaborar com as investigações. Mas logo após ser preso, contrato o criminalista Marlus Arns, de Curitiba, responsável por algumas das delações da Lava Jato.
Nesta ação, a segunda em que Cunha é réu na Lava Jato, o deputado cassado é acusado de ter recebido em suas contas na Suíça propinas de ao menos R$ 5 milhões referentes à aquisição, pela Petrobrás, de 50% do bloco 4 de um campo de exploração de petróleo na costa do Benin, na África, em 2011.
O negócio foi tocado pela Diretoria Internacional da estatal, cota do PMDB no esquema de corrupção.
O Ministério Público Federal sustenta que parte destes recursos foi repassada para Cláudia Cruz, mulher de Eduardo Cunha, também em contas no exterior – a transação está sendo investigada em outra ação, específica contra a mulher do peemedebista. 
MATÉRIAS RELACIOANDAS: 
Patrimônio de esposa de Cunha cresceu 150% em seis anos, aponta Receita Federal. 
Temer e Cunha se reuniram secretamente no Palácio do Jaburu. 
Por contas na Suíça, Cunha se torna réu no STF pela 2ª vez.


Sessão para cassar Cunha é suspensa por falta de quórum.

Câmara cassa mandato de Eduardo Cunha por 450 votos a 10.

Cunha responsabiliza governo Temer pela perda do mandato na Câmara.

Eduardo Cunha deixa pistas que levam ao homem-forte do governo Temer. Elas serão seguidas?

Cunha reage e diz que Renan também pode ser alvo de 'tempestade'.

Eduardo Cunha é xingado e agredido por mulher em aeroporto do Rio.

STF libera para Moro ação contra Cunha sobre contas na Suíça.

Moro recebe ação penal do STF, e Cunha vira réu da Lava Jato no PR.

Eduardo Cunha é preso em Brasília por decisão de Sérgio Moro.

Eduardo Cunha chega a Curitiba e é levado à sede da Polícia Federal.

Eduardo Cunha diz que prisão é 'absurda' e 'sem nenhuma motivação'.

Moro bloqueia carros de luxo de mulher e de filha de Cunha.

Correta ou injustificada? Prisão de Cunha é vista com desconfiança por juristas.

Marmita e banho de sol separado; saiba a rotina de Cunha na cela em Curitiba.

Eduardo Cunha chama Temer e Lula como testemunhas de defesa.

Moro aceita presidente Michel Temer como testemunha de Cunha.

Moro determina que Eduardo Cunha seja transferido da PF para presídio.

OS COMENTÁRIOS NÃO SÃO DE RESPONSABILIDADES DO INTERVALO DA NOTICIAS. OS COMENTÁRIOS IRÃO PARA ANALISE E SÓ SERÃO PUBLICADOS SE TIVEREM OS NOMES COMPLETOS.
FOTOS PODERÃO SER USADAS MEDIANTE AUTORIZAÇÃO OU CITAR A FONTE

Nenhum comentário:

Postar um comentário