terça-feira, 17 de janeiro de 2017

Acidente mata pai e quatro filhos na BA e deixa carro irreconhecível



By: INTERVALO DA NOTICIAS
Texto: G1 Imagem: Weslei Santos (Blog do Sigi Vilares)

Cinco pessoas morreram e pelos menos outras três ficaram feridas em um acidente envolvendo um carro de passeio e uma caminhonete na BR-020, próximo ao distrito de Roda Velha, entre os municípios de São Desidério e Luís Eduardo Magalhães, no oeste da Bahia. A batida ocorreu na madrugada desta terça-feira (17). As vítimas foram um pai e quatro crianças que são filhas dele, segundo informou a Polícia Rodoviária Federal (PRF).
De acordo com o órgão de trânsito, o acidente ocorreu por volta das 1h30, na altura do km-150 da rodovia. Pai e filhos, de 4, 7, 9 e 11 anos, estavam no carro de passeio.
A suspeita é de que o condutor tenha dormido ao volante, invadiu a contramão e bateu de frente com a caminhonete, que seguia no sentido oposto. Ainda conforme a PRF, todas as crianças estavam no banco de trás do veículo e nenhuma usava cadeirinha.
"Ele [o motorista] vinha do Maranhão para Brasília, dirigindo há muito tempo, uma viagem longa, e provavelmente isso foi o motivo do cansaço. Ele dormiu e invadiu a pista contrária", explicou o policial rodoviário, Tarcísio Mello.
Segundo a PRF, além do pai e dos quatro filhos, a mãe das crianças, de 32 anos, também estava no carro e ficou ferida. A mulher foi socorrida e encaminhada para uma unidade de saúde de Luís Eduardo Magalhães por uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Não há informações sobre o estado de saúde dela.
Os demais feridos, que não tiveram identidade divulgada, estavam na caminhonete, segundo a polícia. O estado de saúde deles também não foi divulgado. Os corpos das vítimas foram encaminhados para o Instituto Médico Legal (IML) de Barreiras.

OS COMENTÁRIOS NÃO SÃO DE RESPONSABILIDADES DO INTERVALO DA NOTICIAS. OS COMENTÁRIOS IRÃO PARA ANALISE E SÓ SERÃO PUBLICADOS SE TIVEREM OS NOMES COMPLETOS.
FOTOS PODERÃO SER USADAS MEDIANTE AUTORIZAÇÃO OU CITAR A FONTE

Nenhum comentário:

Postar um comentário