sexta-feira, 25 de maio de 2018

Estoque de combustíveis acaba em praticamente todos os postos do Paraná


By: INTERVALO DA NOTICIAS
Texto: PARANA PORTAL Imagem: Divulgação

O Sindicombustíveis, Sindicato dos Revendedores de Combustíveis do Estado do Paraná, alerta que o estoque  de gasolina e álcool acabou em praticamente todos os postos do estado.
Mais de 95% dos 2400 postos do estado estão completamente sem gasolina e etanol, segundo nota divulgada pelo sindicato, no começo da noite desta sexta-feira (25)
Entre as cidades com estoque zerado estão Londrina, Guarapuava, Foz do Iguaçu, Cascavel, União da Vitória, Ponta Grossa e todo o litoral do Paraná. Os municípios vizinho destas cidades também estão sem combustível.
Em Curitiba e Região Metropolitana, mais de 95% dos 340 postos permaneciam sem álcool e gasolina no início da noite desta sexta.
Continua depois da publicidade
“Não tivemos mais notícias de caminhões-tanques que tenham conseguido furar os bloqueios. Deste modo, o combustível restante deve ser esgotado nas próximas horas”, diz o texto.
Os poucos postos da capital paranaense que ainda têm gasolina e álcool estão com filas gigantescas.
Em Maringá, apenas um posto ainda tinha estoque de etanol no fim do dia. Na região noroeste os estoques também estavam no final nos últimos postos abastecidos.
“Caso algum caminhão-tanque consiga furar os bloqueios, pode ocorrer de um ou mais postos destas cidades voltarem a funcionar, mas este tipo de possibilidade é cada vez mais remota”, alertou o Sindicombustíveis.
Diesel
Segundo o sindicato, a situação do diesel é um pouco menos grave em Curitiba. Este combustível permanece com algum estoque principalmente nos postos de rodovias que possuem maior número de tanques com grande capacidade e não estão tendo demanda de caminhões por conta da paralisação.
Continua depois da publicidade
GNV
O GNV, que é fornecido na maioria dos casos por tubulação, segue com reservas maiores em Curitiba.
A saída da Refinaria de Araucária e as bases de distribuição, também instaladas na região, seguem com bloqueios totais feitos por manifestantes.


OS COMENTÁRIOS NÃO SÃO DE RESPONSABILIDADES DO INTERVALO DA NOTICIAS. OS COMENTÁRIOS IRÃO PARA ANALISE E SÓ SERÃO PUBLICADOS SE TIVEREM OS NOMES COMPLETOS.
FOTOS PODERÃO SER USADAS MEDIANTE AUTORIZAÇÃO OU CITAR A FONTE

Nenhum comentário:

Postar um comentário