terça-feira, 7 de março de 2017

Walter não joga mais pelo Goiás. Contrato do atacante será rescindido



By: INTERVALO DA NOTICIAS
Texto: UOL Imagem: Divulgação

Walter não joga mais pelo Goiás. O atacante, que agrediu o goleiro Matheus com uma cotovelada na sexta-feira retrasada (24), terá seu contrato rescindido com o clube esmeraldino - iria até o fim de 2017.A decisão final sobre o futuro de Walter foi obtida em uma reunião realizada na noite desta segunda-feira (6) entre dirigentes do Goiás e o empresário do atleta. Resta agora a aprovação do Porto, clube que detém o maior percentual dos direitos econômicos do atacante.
"O Goiás Esporte Clube e representantes do atleta Walter chegaram a um acordo para que o jogador deixe o clube. Contudo, o caminho final para a definição depende da anuência do Porto, clube que tem o maior percentual dos direitos econômicos de Walter, o que deve acontecer nesta terça-feira", divulgou a assessoria de imprensa do clube.
Walter estava inclusive proibido de entrar no Goiás. O caso do atacante foi avaliado por dirigentes esmeraldinos e o jogador chegou até a ser sabatinado por uma comissão na semana passada. Pesou contra Walter o fato de ele não ter pedido desculpas a Matheus no primeiro momento em que teve oportunidade.
Matheus, que chegou a registrar um boletim de ocorrência por lesão corporal, voltou a treinar apenas nesta segunda-feira (6), depois de uma semana de recuperação. O goleiro de 22 anos sofreu um traumatismo crânio encefálico por conta da cotovelada e precisou até ser internado.
Desta forma, encerra-se de forma inesperada a segunda passagem de Walter pelo Goiás. Na primeira, entre 2012 e 2013, quando se tornou ídolo esmeraldino, foram 81 jogos e 45 gols. Agora, ele deixa o clube com apenas 16 partidas e três tentos.




OS COMENTÁRIOS NÃO SÃO DE RESPONSABILIDADES DO INTERVALO DA NOTICIAS. OS COMENTÁRIOS IRÃO PARA ANALISE E SÓ SERÃO PUBLICADOS SE TIVEREM OS NOMES COMPLETOS.
FOTOS PODERÃO SER USADAS MEDIANTE AUTORIZAÇÃO OU CITAR A FONTE

Nenhum comentário:

Postar um comentário