sexta-feira, 31 de março de 2017

MP faz operação para fiscalizar áreas desmatadas na região centro-sul do Paraná



By: INTERVALO DA NOTICIAS
Texto: RPC Imagem: Divulgação/Ilustração


O Ministério Público do Paraná (MP-PR) faz até o sábado (1º) operação para fiscalizar propriedades rurais na região centro-sul do estado, onde há mais áreas desmatadas nos últimos dez anos no estado.
Na operação, deflagrada no domingo (26), cerca de 119 propriedades rurais já foram vistoriadas. A estimativa, de acordo com o MP-PR, é que mais 100 novos locais sejam visitados até o fim de semana.
Essas visitas são feitas pelo MP-PR, policiais ambientais e fiscais do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) em regiões situadas nos municípios de Bituruna, Clevelândia, Coronel Domingos Soares, Cruz Machado, General Carneiro, Mallet, Palmas, Paula Freitas, Paulo Frontin, Pinhão, Rebouças, Rio Azul, União da Vitória, Mangueirinha e Antonio Olinto.
As áreas desmatadas, segundo o MP-PR, foram identificadas por imagens de satélite fornecidas pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) e pela Organização Não Governamental SOS Mata Atlântica.
Além disso, após o resultado das vistorias, o MP-PR deve tomar providências para garantir a reparação dos danos ambientais causados. “Se houver autuações, o Ministério Público pode entrar com eventuais ações por crime ambiental depois da realização de laudos”, informou a assessoria.
Conforme o MP-PR, nos últimos anos, a região centro-sul paranaense foi a que apresentou o maior índice de desmatamento do bioma Mata Atlântica, mais especificamente de Floresta Ombrófila Mista, conhecida como Mata das Araucárias. 

OS COMENTÁRIOS NÃO SÃO DE RESPONSABILIDADES DO INTERVALO DA NOTICIAS. OS COMENTÁRIOS IRÃO PARA ANALISE E SÓ SERÃO PUBLICADOS SE TIVEREM OS NOMES COMPLETOS.
FOTOS PODERÃO SER USADAS MEDIANTE AUTORIZAÇÃO OU CITAR A FONTE

Nenhum comentário:

Postar um comentário