sábado, 18 de março de 2017

Chef Junior Durski do Madero se diz orgulhoso de denunciar extorsão à polícia



By: INTERVALO DA NOTICIAS
Texto: GAZETA DO POVO Imagem: Divulgação

Em nota oficial distribuída hoje (17), o empresário Junior Durski, proprietário da rede de restaurantes Madero, disse que se sente orgulhoso e feliz por ter contribuído com a Polícia Federal ao revelar a extorsão que vinha sofrendo por parte de fiscais do Ministério da Agricultura no Paraná, que resultou na Operação Carne Fraca. “Temos que ter muita disposição e coragem neste momento em que o Brasil está dando esta virada, denunciando e colaborando com a polícia e com a justiça, sempre que estes bandidos e corruptos batam às nossas portas (sic)”, diz Durski na nota.
MATÉRIAS RELACIONADAS:
Polícia Federal deflagra operação de combate a venda ilegal de carnes.

Frigoríficos investigados vendiam carne vencida no Brasil e no exterior.

Madero teve hambúrgueres tomados; rede foi pressionada a entrar em esquema.

Frigoríficos utilizavam vitamina C para mascarar carne estragada, diz PF.

Esquema ilegal em frigoríficos ajudava campanhas do PMDB e PP.

Grampo da PF revela diálogo do ministro da Justiça com “líder de organização criminosa”.

Operação da PF em frigoríficos coloca carne brasileira sob suspeita.

PF prende ao menos 20 funcionários públicos envolvidos na 'Carne Fraca'.

OS COMENTÁRIOS NÃO SÃO DE RESPONSABILIDADES DO INTERVALO DA NOTICIAS. OS COMENTÁRIOS IRÃO PARA ANALISE E SÓ SERÃO PUBLICADOS SE TIVEREM OS NOMES COMPLETOS.
FOTOS PODERÃO SER USADAS MEDIANTE AUTORIZAÇÃO OU CITAR A FONTE

Nenhum comentário:

Postar um comentário