quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

Sertão de Pernambuco começa a receber água do São Francisco



By: INTERVALO DA NOTICIAS
Texto: NE10 Imagem: Divulgação

O reservatório Copiti, localizado em Custódia, no Sertão de Pernambuco, já recebeu água do Projeto de Integração do Rio São Francisco. A água chegou ao reservatório após percorrer mais de 117 quilômetros de estruturas deste trecho. De acordo com o Ministério da Integração Nacional, as obras físicas necessárias para a passagem da água no Eixo Leste foram concluídas em dezembro.
A partir de Copiti, a água do São Francisco seguirá por gravidade até a quinta Estação de Bombamento (EBV-5), que fica em Sertânia, também no Sertão de Pernambuco. Além de Pernambuco, o Eixo Leste do projeto vai garantir a segurança hídrica da população da Paraíba. A expectativa do ministério é atender Monteiro, na Paraíba, no mês de março.
O Projeto de Integração do Rio São Francisco, composto pelos eixos Norte e Leste, entrou na reta final e já apresenta 94,66% de execução física. O Eixo Norte abastecerá os municípios do Ceará, Paraíba, Pernambuco e Rio Grande do Norte. As obras deste eixo apresentam 93,42% de avanço físico e tem previsão de conclusão para o segundo semestre. O reservatório Jati, no Ceará, deve receber água do "Velho Chico" em setembro. O Rio Grande do Norte e parte da Paraíba contarão com a água a partir de dezembro.
Vistoria
O ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, e o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, sobrevoam e realizam uma vistoria das estruturas do Eixo Leste do Projeto de Integração do Rio São Francisco. Eles visitam a Estação de Bombeamento (EBV3), em Floresta, e o reservatório de Copiti, em Custódia, para acompanhar a operação das motobombas flutuantes emprestadas pela Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp).
A comitiva também vistoria as duas últimas estações de bombeamento do Eixo Leste (EBV5 e EBV6), localizadas em Sertânia. A chegada de Barbalho e Alckmin está prevista para 11h30. De acordo com o Ministério da Integração Nacional, os equipamentos da Sabesp aceleraram os enchimentos das estruturas de engenharia do projeto e, consequentemente, a chegada da água em Pernambuco e na Paraíba foi antecipada para a primeira semana de março de 2017.

OS COMENTÁRIOS NÃO SÃO DE RESPONSABILIDADES DO INTERVALO DA NOTICIAS. OS COMENTÁRIOS IRÃO PARA ANALISE E SÓ SERÃO PUBLICADOS SE TIVEREM OS NOMES COMPLETOS.
FOTOS PODERÃO SER USADAS MEDIANTE AUTORIZAÇÃO OU CITAR A FONTE

Nenhum comentário:

Postar um comentário