terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

Pastor pode ter sido morto após encontro com parceiro sexual em bosque, diz delegado



By: INTERVALO DA NOTICIAS
Texto: BANDA B Imagem: Divulgação

O pastor Augusto Riss, encontrado morto no Bosque do Índio, em Umuarama, no Norte do Paraná, pode ter sido assassinado após encontro com um parceiro sexual. A informação foi revelada pelo delegado Osnildo Carneiro Lemes, em entrevista ao Umuarama News nesta terça-feira (21).
De acordo com delegado, nada indica um latrocínio (roubo seguido de morte), uma vez que nenhum pertence foi levado. “A vítima estava com a calça abaixada, e ao que tudo indica, entrou no bosque com um parceiro e alguma coisa aconteceu para a ira. O assassinato ainda aponta requintes de crueldade que são comuns de crimes passionais, com uma clara raiva extravasada”, explicou.
O pastor passava férias em Umuarama e ficou desaparecido por dois dias até ser encontrado no sábado (18). O carro dele estava estacionado em frente ao bosque, com a porta trancada. O local é conhecido pela polícia como ponto de encontro de usuários de entorpecentes e prostituição. De acordo com os peritos, o corpo do pastor apresentava muitos ferimentos, principalmente no rosto e na cabeça provocados por pauladas, que também deve ser a causa da morte.
Segundo Osnildo, a vítima deixou o celular carregando na casa de um familiar e nenhuma imagem de câmera de segurança mostra o que pode ter acontecido, o que vem dificultando a investigação. “Estamos aguardando o resultado da perícia e já temos alguns suspeitos, acredito que até o fim da semana tenhamos novidades”, concluiu.
O caso é investigado pela 7ª Subdivisão Policial da região. 
MATÉRIA RELACIONADA:
Pastor foi torturado e morto a pauladas no PR.

OS COMENTÁRIOS NÃO SÃO DE RESPONSABILIDADES DO INTERVALO DA NOTICIAS. OS COMENTÁRIOS IRÃO PARA ANALISE E SÓ SERÃO PUBLICADOS SE TIVEREM OS NOMES COMPLETOS.
FOTOS PODERÃO SER USADAS MEDIANTE AUTORIZAÇÃO OU CITAR A FONTE

Nenhum comentário:

Postar um comentário