sexta-feira, 23 de dezembro de 2016

Vereadores eleitos de Prudentópolis pedem anulação de lei que diminui seus próprios salários



By: INTERVALO DA NOTICIAS
Texto: JUSSARA HARMUCH (RÁDIO NAJUÁ) Imagem: Élio Kohut (Intervalo da Noticias)


Depois que a entrevista com o presidente da Câmara de Prudentópolis, José Adilson dos Santos (Yako – PSC), interpretando a solicitação de alguns parlamentares para que ele promova medidas para anular a lei que diminui os subsídios dos vereadores foi ao ar no Meio Dia em Notícias, alguns parlamentares eleitos procuraram a Najuá para se manifestar.
A vereadora Carina Rampi ligou para dizer que não assinou o documento. Outro vereador, Áudio Charachouski, comentou pelo Facebook que a notícia é falsa e enviou mensagem à emissora solicitando retratação.
Por enquanto, apenas o presidente aceitou gravar entrevista. A emissora deixa o mesmo espaço aberto para que os demais envolvidos que tenham interpretação diversa à de Yako se manifestem.
A Najuá obteve cópia do documento, dos 13 eleitos, não assinaram Carina Rampi, Luciano Marcos Antônio, Marcos Roberto Lachovicz e Soraia Valéria Budniak. Nove assinaram: Adão Kostecki Primo, Anderson Lemos, Áudio Charachouski, Cézar Augusto Schirlo, Iroslau Woruby, Jaison Kuhn, José Pereira Neto, Lademiro Budnik e Valdir Bini. MATÉRIA COMPLETA.
MATÉRIAS RELACIONADAS:
Câmara de Prudentópolis discute redução dos salários dos vereadores em 40%.

Vereadores de Prudentópolis reduzem em 40% subsídios para próxima legislatura.

Vereadores eleitos querem que Câmara de Prudentópolis aumente subsídios.

OS COMENTÁRIOS NÃO SÃO DE RESPONSABILIDADES DO INTERVALO DA NOTICIAS. OS COMENTÁRIOS IRÃO PARA ANALISE E SÓ SERÃO PUBLICADOS SE TIVEREM OS NOMES COMPLETOS.
FOTOS PODERÃO SER USADAS MEDIANTE AUTORIZAÇÃO OU CITAR A FONTE

Nenhum comentário:

Postar um comentário