quinta-feira, 17 de novembro de 2016

Genro vende estoque de geladeiras do sogro e some com a grana



By: INTERVALO DA NOTICIAS
Texto: TRIBUNA DO PARANÁ Imagem: Átila Alberti


Quem, em sã consciência, colocaria uma raposa para cuidar de um galinheiro? Ninguém. No entanto, se a raposa estivesse fantasiada de “bom e honesto genro”, o sogro pensaria a respeito e poderia dar uma chance. Foi isso o que aconteceu em uma loja de eletrodomésticos localizada na Rua Izaac Ferreira da Cruz, no bairro Sitio Cercado, em Curitiba.
Lá, o empreendedor George Mendes decidiu colocar o parente na chefia da empresa, mas, segundo ele, isso só lhe trouxe prejuízos. “Eu comecei a perceber que vários produtos estavam sumindo do meu depósito e o caso piorou quando comprei um lote de mais de 200 geladeiras”, disse.
Segundo o delegado Rinaldo Ivaneke, o empresário procurou o 10.º Distrito Policial (DP) denunciando o caso e a situação logo começou a ser investigada. “O que descobrimos é que o gerente teria se unido ao guardião e aos demais funcionários para vender esses produtos sem o consentimento do dono. Então, saímos à procura dos compradores e já conseguimos recuperar mais de 50 geladeiras que haviam sido negociadas aqui na região”, afirmou.
No entanto, o caso continua em investigação e o genro ainda não foi preso. “Só sei que minha filha largou dele, e ele fugiu”, completou George.

OS COMENTÁRIOS NÃO SÃO DE RESPONSABILIDADES DO INTERVALO DA NOTICIAS. OS COMENTÁRIOS IRÃO PARA ANALISE E SÓ SERÃO PUBLICADOS SE TIVEREM OS NOMES COMPLETOS.
FOTOS PODERÃO SER USADAS MEDIANTE AUTORIZAÇÃO OU CITAR A FONTE

Nenhum comentário:

Postar um comentário