segunda-feira, 31 de outubro de 2016

MBL tenta desocupar colégios no Paraná à revelia da Justiça



By: INTERVALO DA NOTICIAS
Texto: UOL Imagem: Divulgação

Uma tentativa do Movimento Brasil Livre (MBL) de desocupar dois colégios de Curitiba quase termina em briga. Horas depois de o governo conseguir na Justiça a reintegração de posse de 88 escolas, sendo 25 na capital paranaense, representantes do movimento foram aos Colégios Pedro Macedo e Lysimaco Ferreira da Costa nos bairros Água Verde e Portão e usaram carros de som e pressão para que os estudantes deixassem os colégios.
A Polícia Militar precisou ser chamada para que não houvesse agressões sobre o grupo de estudantes - em sua maioria menores de idade. O governo não comentou a ação do grupo.
A liminar foi concedida a pedido da Procuradoria-Geral do Estado. Na decisão, a juíza Patrícia de Almeida Gomes, da 5ª Vara de Fazenda Pública, estabelece ainda multa no valor de R$ 10 mil ao dia em caso de descumprimento.
No Paraná, havia 860 colégios e 11 universidades ocupadas, segundo o movimento Ocupa Paraná até quinta-feira, 27, e o governo informou no fim da manhã desta sexta-feira, 28, que contabiliza 491 colégios ainda ocupados - 99 foram liberados nas últimas 24 horas. Pela manhã, o grupo Ocupa UFPR (Universidade Federal do Paraná) anunciou a ocupação do câmpus de Artes e do prédio da Saúde, no Setor de Ciências da Saúde.

MBL

O líder do MBL Éder Borges, chegou a gravar um vídeo ao vivo durante a tentativa de entrar na escola, no Facebook, e informava que o movimento estava desocupando mais "uma escola no Paraná".
O advogado Marcelo Veneri disse que o MBL, ao "tentar por conta própria desrespeita a Justiça, pois o processo de reintegração de posse deve seguir um ritual, acompanhado de todas as autoridades competentes".
O grupo pode ser enquadrado em crimes de desobediência, injúria e difamação. 
MATÉRIAS RELACIONADAS:
Alunos ocupam Colégio Agrícola de PG. 

Justiça nega reintegração de posse de escolas.
 

Número de escolas ocupadas no Paraná chega a 210, diz movimento.

Alunos ocupam o Col. Barão de Capanema.

Justiça aceita pedido de reintegração de posse do Col. Agrícola em PG.

Governo decide acionar Conselho Tutelar e decreta recesso escolar.

Estudantes ocupam campus de Irati da Unicentro.

Pais e alunos opinam sobre ocupação de escolas da Rede Estadual.

Ocupação atinge mais da metade dos Colégios Estaduais de Guarapuava.

Mais dois colégios são ocupados em Prudentópolis.

Justiça autoriza reintegração de posse na UEPG.

Adolescente morre dentro de escola estadual ocupada no PR.

Colégio ocupado volta a ter aulas em Irati.

Suspeito pela morte de aluno em escola é preso em Curitiba.

Justiça autoriza reintegração de posse de 21 escolas de PG.

Em protesto contra PEC 241 e reforma do Ensino Médio, estudantes da UFPR ocupam prédio da Reitoria.

Após morte de colega, estudantes decidem desocupar escola em Curitiba.

Colégios federais do Rio estão ocupados contra medidas de Temer.

Justiça determina reintegração de posse em colégios de Irati e Inácio Martins.

Contra a PEC 241, alunos ocupam a UTFPR em Dois Vizinhos.

Bandidos invadem escola ocupada e assaltam alunos.

1.022 escolas e 84 universidades estão ocupadas em 19 Estados e no DF.

'Mão de vocês está suja com sangue', diz aluna a deputados do Paraná.

PR: Justiça cumpre reintegração de posse em escolas ocupadas.

Sobe para seis o número de colégios desocupados em Guarapuava e Região.

OS COMENTÁRIOS NÃO SÃO DE RESPONSABILIDADES DO INTERVALO DA NOTICIAS. OS COMENTÁRIOS IRÃO PARA ANALISE E SÓ SERÃO PUBLICADOS SE TIVEREM OS NOMES COMPLETOS.
FOTOS PODERÃO SER USADAS MEDIANTE AUTORIZAÇÃO OU CITAR A FONTE

Nenhum comentário:

Postar um comentário