terça-feira, 29 de setembro de 2015

Menino cadeirante trabalha para pagar celular que já foi roubado em Guarapuava



By: INTERVALO DA NOTICIAS
Texto: REDE SUL DE NOTICIAS Imagem: Rede Sul de Noticias


Quem trabalha ou passa pelo Centro de Guarapuava já deve ter visto alguma vez um menino vendendo “cheirinhos”. Ele é o Ezequias Correia de 16 anos. O garoto, que estuda no ensino médio no período matutino, vende os “cheirinhos” na parte da tarde para ajudar em sua renda.
Atualmente o dinheiro que consegue Ezequias usa para pagar as parcelas de um celular que ele comprou há algum tempo e que infelizmente já foi roubado. “Trabalho para pagar um celular que nem tenho mais”, comenta o menino.
Ezequias é cadeirante e conta que sofre com as más condições das calçadas, entre outros problemas que dificultam a sua locomoção. Mas mesmo com tudo isso, ele admite que gosta de vender seus “cheirinhos” e de interagir com as pessoas. “Eu gosto do serviço porque gosto de conversar e de conhecer as pessoas”, declara.

OS COMENTÁRIOS NÃO SÃO DE RESPONSABILIDADES DO INTERVALO DA NOTICIAS. OS COMENTÁRIOS IRÃO PARA ANALISE E SÓ SERÃO PUBLICADOS SE TIVEREM OS NOMES COMPLETOS.
FOTOS PODERÃO SER USADAS MEDIANTE AUTORIZAÇÃO OU CITAR A FONTE

Nenhum comentário:

Postar um comentário