segunda-feira, 24 de outubro de 2011

COBERTURA DE CELUAR EM RODOVIAS FEDERAL PODERÁ SER OBRIGATÓRIO


A cobertura da telefonia celular ao longo das rodovias federais poderá ser obrigatória, segundo projeto de lei (PL 465/11), do deputado Roberto Britto, do PP da Bahia. A proposta já foi aprovada na Comissão de Defesa do Consumidor. O deputado Wolney Queiroz, do PDT de Pernambuco, relator na Comissão, recomendou a aprovação do projeto: "Nós sabemos que, em muitos lugares do Brasil, as rodovias federais têm precariedade nos sinais de telefone celular, o que dificulta a localização das pessoas. Qualquer problema de trânsito, qualquer emergência, as pessoas ficam impossibilitadas de se comunicarem e é justo que o Brasil que já tem mais de 200 milhões de linhas celulares; é justo que as operadoras já tenham tempo suficiente para se prepararem para poder disponibilizar um serviço adequado e que atenda toda essa malha rodoviária no Brasil" O diretor executivo da Associação Nacional das Operadoras de Celulares, Eduardo Levi, concorda com a medida, mas disse que os contratos atuais não preveem cobertura em todos os trechos rodoviários: "Nós precisamos ou fazer uma nova licitação para que haja cobertura também, ou identificar fontes de recursos que possam ser dados às empresas porque elas vão ser oneradas por fazer um investimento que não estava previsto no contrato original". Eduardo Levi afirmou que, para não onerar o consumidor, o governo poderia usar o dinheiro do Fundo Público de Telecomunicações que teria hoje um saldo de R$ 40 bilhões. O projeto ainda será analisado pelas Comissões de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática; e de Constituição e Justiça.

By: INTERVALO DA NOTICIAS
Texto: Sílvia Mugnatto (Radio Câmara)– Foto: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário